No game no life

No Game No Life

Opinião – No Game No Life

Quem é que não gosta de putos geeks que dominam os videojogos?

Eu, quando estou a jogar contra eles!!!

Tirando nessas alturas, são pessoal fixe.

No Game No Life retrata a história de dois irmãos, Sora e Shiro, que dominam todos os jogos de computador quando jogam em conjunto, um complementa as falhas do outro.

Para eles a vida é um jogo injusto onde as regras estão sempre a mudar.

Um dia recebem um estranho e-mail a desafia-los para um jogo de xadrez, que ao aceitarem o desafio, transporta os dois irmãos para um novo mundo.

Neste novo mundo (Disboard) conhecem Tet, Deus dos Jogos, que lhes explica que neste mundo todas as desavenças são resolvidas com jogos, desde uma pequena disputa ao destino de países.

Uma das regras é que todos os jogadores têm que apostar algo de igual valor.

O novo objetivo de vida dos dois irmãos passa a ser unir as 16 raças do Disboard, derrotar Tet e tornarem-se os novos deuses deste novo mundo.

IMO este anime está brilhante, desde o sentido de humor à maneira inteligente como os irmãos vão ultrapassando os obstáculos.

A música não é metal mas também está boa.

As únicas três coisas negativas que tenho a apontar, são as seguintes:

  1. O estilo de animação que me custou ver um bocado ao início e que, eventualmente me habituei.
  2. A estranha relação entre os dois irmãos que parece um bocado incestuosa.
  3. Todas as músicas do anime serem da Maria Leal.

Vale bastante a pena perderem algumas horas das vossas vidas a verem este anime.

Trailer

Lista de fillers

Nenhum graças a Deus!!

Momento Nada A Ver

Prémio de Partilha

Aos primeiros 100 leitores que partilharem este post nas redes sociais será entregue um dos seguintes prémios no caso do blogue encerrar:

funny gift 1

Se se enquadram numa das seguintes categorias de leitores, por favor partilhem pelas 53 redes sociais em que estão inscritos:

  1. O gajo que se enganou a escrever “animal” no Google e veio dar aqui.
  2. Se és meu familiar ou amigo e não queres que eu fique magoado contigo.
  3. Se és um hater que não gosta das reviews ou dos tops que não contêm o teu anime preferido (partilha na mesma para os teus amigos evitarem de vir cá ter ao site)
  4. Se simplesmente gostas do conteúdo, sabe-se lá porquê

Não percam o próximo post porque nós também não (que remédio…)!

 

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •